Você está aqui: Página Inicial > Acesso à Informação > Ações e Programas > Combate ao Contrabando e Descaminho > Notícias > 2020 > Março > 9ª Região Fiscal > Receita Federal em Curitiba apreende droga sintética em encomendas postais
conteúdo

Notícias

Receita Federal em Curitiba apreende droga sintética em encomendas postais

Paraná

As encomendas seriam despachadas de Curitiba para outros estados do Brasil.
publicado: 30/03/2020 19h07, última modificação: 30/03/2020 19h07

A Seção de Vigilância e Repressão da Alfândega da Receita Federal em Curitiba apreendeu na sexta- feira, 27 de março, seis encomendas postais com substâncias entorpecentes.

A operação de repressão foi realizada no Centro de Tratamento de Cargas e Encomendas Postais de Curitiba, e resultou na apreensão de quase 1 kg de substância entorpecente com característica de droga sintética.

As encomendas foram postadas em agências postais da cidade de Curitiba e teriam como destino vários estados do país, incluindo Rio Grande de Sul, São Paulo e Pernambuco.

A Receita Federal tem trabalhado no Gerenciamento de Risco de cargas e de mercadorias despachadas tanto em transportadoras como em agências postais de Curitiba.

Além disso, a Receita Federal trabalha no monitoramento de empresas "noteiras", que só existem no papel para emitir notas fiscais, que têm utilizado o serviço de Transportadoras, Marketplaces e Agências Postais para envio de encomendas objeto de descaminho e contrabando.

As substâncias apreendidas na operação do dia 27 foram encaminhadas à Polícia Civil de Curitiba.