Você está aqui: Página Inicial > Acesso à Informação > Ações e Programas > Combate ao Contrabando e Descaminho > Notícias > 2020 > Março > 8ª Região Fiscal > Receita Federal participa de operação com o Procon no centro de São Paulo
conteúdo

Notícias

Receita Federal participa de operação com o Procon no centro de São Paulo

São Paulo

Órgão apreendeu mercadorias contrafeitas, enquanto Procon recolheu álcool gel sendo vendido a R$ 90.
publicado: 19/03/2020 14h34, última modificação: 19/03/2020 14h34

A Divisão de Vigilância e Repressão ao Contrabando e Descaminho (Direp) da Receita Federal em São Paulo  participou, em 18 de março, de uma operação de repressão no centro da capital paulista. A equipe foi chamada pela Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) do estado de São Paulo.

No loja fiscalizada, a Receita Federal apreendeu mercadorias como mochilas infantis, perfumes, brinquedos, relógios, capas de celulares e óculos de sol. Parte delas era contrafeita, e será removida. A situação das demais mercadorias será definida após terminado o prazo para a apresentação de documentos. Ainda não é possível estimar o valor da apreensão.

Já o Procon apreendeu álcool gel sendo vendido a preços abusivos, chegando a R$ 90. A Fundação lançou uma campanha nas redes sociais, pedindo que os usuários denunciem comerciantes que estejam praticando preços abusivos na venda de máscaras e álcool gel. O internauta deve indicar o endereço denunciado e marcar @proconsp. Até o dia 16 de março, o Procon paulista já havia registrado mais de 1,9 mil atendimentos sobre situações ligadas ao coronavírus.