Você está aqui: Página Inicial > Acesso à Informação > Ações e Programas > Combate ao Contrabando e Descaminho > Notícias > 2020 > Março > 8ª Região Fiscal > Alfândega de Viracopos realiza duas apreensões de drogas e uma retenção de valores em uma semana
conteúdo

Notícias

Alfândega de Viracopos realiza duas apreensões de drogas e uma retenção de valores em uma semana

São Paulo

Foram 6,2 kg de cocaína e 4 mil euros.
publicado: 19/03/2020 15h43, última modificação: 19/03/2020 15h43

Na última semana, a Equipe de Vigilância e Repressão da Alfândega da Receita Federal no Aeroporto Internacional de Viracopos realizou duas apreensões de cocaína em bagagens de passageiros e uma retenção de valores não declarados portados por "mula do tráfico" que retornava ao Brasil.

No dia 12 de março, uma bagagem extraviada ("rush"), pertencente a um passageiro inadmitido em Portugal, retornou a Viracopos. Durante a inspeção, com utilização de equipamento de raios-X e cães de faro, foram identificados dois invólucros contendo um pó branco que reagiu positivamente ao narcoteste para cocaína, com peso bruto de 3,2 kg. A droga foi encaminhada à Polícia Federal.

Já no dia 13, o gerenciamento de risco apontou um passageiro, que seguiria de Viracopos para Portugal, como de risco para o tráfico de entorpecentes. A inspeção da sua bagagem revelou a presença de diversos frascos de perfumes e desodorantes, que apresentaram imagem suspeita ao raio-X e foram indicados pelos cães de faro. No interior dos frascos, havia embalagens contendo um pó branco que reagiu positivamente ao narcoteste para cocaína. O passageiro foi preso em flagrante por tráfico internacional de entorpecentes e encaminhado, junto com o material, à Polícia Federal. O peso bruto do material foi de 3,0 kg.

Por fim, na noite de 18 de março, um passageiro já monitorado por realizar diversas viagens suspeitas e, possivelmente, estar envolvido com o tráfico de entorpecentes foi inspecionado no seu retorno de Lisboa. Ele portava cerca de 5.800 euros não declarados à Receita Federal. Sendo assim, foram então retidos 4.000 euros e liberados euros equivalentes a R$ 10 mil. Será lavrado Auto de Infração para aplicação da pena de perdimento dos valores retidos.