Você está aqui: Página Inicial > Acesso à Informação > Ações e Programas > Combate ao Contrabando e Descaminho > Notícias > 2020 > Maio > 8ª Região Fiscal > Alfândega de São Paulo realiza apreensões no valor de R$ 2,8 milhões no segundo bimestre de 2020
conteúdo

Notícias

Alfândega de São Paulo realiza apreensões no valor de R$ 2,8 milhões no segundo bimestre de 2020

São Paulo

Apreensões foram resultado das ações fiscais conduzidas pelo Serviço de Procedimentos Especiais de Controle Aduaneiro.
publicado: 04/05/2020 16h07, última modificação: 04/05/2020 18h00

Entre os meses de março e abril, a Equipe de Autuações do Serviço de Procedimentos Especiais de Controle Aduaneiro (Sepea) da Alfândega da Receita Federal na cidade de São Paulo concluiu sete ações de combate à fraude nas importações, que resultaram na apreensão de mercadorias avaliadas em R$ 2,8 milhões. Dentre os produtos apreendidos, encontram-se uniformes para artes marciais, lâmpadas contrafeitas (para veículos e caminhões), motores para ventiladores, equipamentos eletrônicos diversos e polímeros para a indústria plástica.

Um dos principais destaques das ações fiscais concluídas neste bimestre foi a apreensão de mais de 350 toneladas de polímeros para aplicação na indústria de plásticos. O trabalho foi resultado da ação conjunta entre a Alfândega da Receita Federal no Porto de Santos e a Alfândega de São Paulo, que envolveu o esforço integrado das equipes para o monitoramento de operadores de alto risco, a verificação das cargas e a execução das fiscalizações. Os bons resultados da atuação em parceria demonstram a importância dos trabalhos integrados entre as Unidades da Receita Federal, de forma a vencer distâncias geográficas e questões logísticas.

Durante a execução das ações fiscais, confirmou-se que as empresas importadoras dos polímeros exerciam o papel de interpostas pessoas, isto é, emprestavam seus nomes no interesse de terceiros. A interposição fraudulenta, no caso dessas operações, permitiria a comercialização irregular, no mercado interno, de mercadorias importadas por meio de regimes suspensivos, à margem dos controles tributários e aduaneiros.