Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Assessoria de Comunicação Institucional > 2020 > Setembro > Alfândega da Receita Federal em Belo Horizonte destrói mais de R$ 3 milhões em cigarros apreendidos
conteúdo

Notícias

Alfândega da Receita Federal em Belo Horizonte destrói mais de R$ 3 milhões em cigarros apreendidos

Aduana

Os cigarros destruídos é resultado de apreensões realizadas no estado.
publicado: 17/09/2020 13h25, última modificação: 17/09/2020 13h27

Na manhã do dia 10 de setembro, foi realizada mais uma destruição de cigarros pela Alfândega da Receita Federal em Belo Horizonte, no aterro sanitário Macaúbas em Sabará, Minas Gerais. A carga com aproximadamente 18 toneladas foi avaliada em R$ 3.186.000,00.

O material destruído é oriundo das apreensões realizadas pela Receita Federal, em sua  atividade de  combate ao contrabando e descaminho e à sonegação fiscal.

O contrabando de cigarros é um problema que afeta não somente a segurança pública, mas também a economia dos estados e do país de modo geral.

A carga de cigarros apreendidos foi transportada para destruição no caminhão da ARF/BHE, e foi necessário fazer quatro viagens devido a quantidade do produto. Toda a operação contou com o apoio e participação da equipe armada da Direp06, e integrantes da comissão de destruição.

registrado em: