Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Assessoria de Comunicação Institucional > 2014 > Dezembro > Receita Federal ganha 1º lugar em Governança de TI pelo TCU na categoria órgão executivo

Notícias

Receita Federal ganha 1º lugar em Governança de TI pelo TCU na categoria órgão executivo

Institucional

publicado: 24/12/2012 11h38 última modificação: 24/12/2014 11h36

A Receita Federal se destaca no relatório do Tribunal de Contas da União (TCU), que avalia a situação da governança de TI na Administração Pública Federal, obtendo o 1º lugar na categoria "Órgão Executivo – Administração Direta".
A cada dois anos o TCU realiza o Levantamento de Governança de Tecnologia da Informação, com o objetivo de acompanhar e manter base de dados atualizada com a situação da governança de TI na Administração Pública Federal.
Esse levantamento resulta no iGovTI, Índice de Governança de TI, que reflete uma análise baseada nas oito dimensões da GesPública - liderança, estratégias e planos, cidadão, sociedade, informação e conhecimento, pessoas, processos, resultados.
Em 2014, 372 instituições foram analisadas englobando, entre outros, as empresas públicas federais, sociedades de economia mista, órgãos do Poder Judiciário e do Legislativo, autarquias e bancos.
O resultado do iGovTI é categorizado em quatro níveis de maturidade: inicial (0,00 a 0,29), básico (0,30 a 0,49), intermediário (0,50 a 0,69) e aprimorado (0,70 a 1,00), sendo que a avaliação média doiGovTI nas instituições foi de 0,45.
A Receita Federal está classificada no nível APRIMORADO de maturidade com o índice de 0,74, ocupando ainda o 7º lugar entre as organizações integrantes do Sistema de Administração dos Recursos de Informação e Informática (Sisp) e o 16º lugar geral entre as 372 instituições avaliadas. Em 2012, o iGovTI da Receita Federal foi 0,70.
Distribuição das organizações por estágios do iGovTI2014
Esse resultado demonstra claramente a evolução e os avanços significativos dos processos, resultados e controles adotados pela Receita Federal em sua gestão na área de Tecnologia da Informação.