Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Assessoria de Comunicação Institucional > 2011 > Setembro > Operação Canal Vermelho II

Notícias

Operação Canal Vermelho II

Operação de Fiscalização

Receita Federal realiza operação de combate ao contrabando e descaminho
publicado: 20/09/2011 00h00 última modificação: 16/12/2014 16h47

A Receita Federal e a Polícia Federal desencadearam nesta terça-feira (20) a OPERAÇÃO CANAL VERMELHO II, com objetivo de desarticular esquema de contrabando e descaminho de mercadorias que abastecia principalmente lojas em São Paulo, Distrito Federal e Ceará.

São cumpridos 5 mandados de prisão e 30 mandados de busca e apreensão, com a participação de 195 servidores da Receita Federal e 150 policiais federais. As ações são realizadas simultaneamente nos estados do Ceará, São Paulo, Paraná, Distrito Federal e Minas Gerais. 

As investigações, desenvolvidas conjuntamente há cerca de um ano, evidenciaram que mercadorias eletrônicas eram trazidas ilegalmente para o Brasil, principalmente a partir do Paraguai. Uma vez no país, as mercadorias eram distribuídas por fornecedores de São Paulo e Brasília a lojas em diversos estados. 

CANAL VERMELHO – 2010 

Este trabalho é uma continuação da Operação Canal Vermelho, que em 2010 resultou na prisão do principal suspeito de ser o mentor intelectual do atentado cometido, dois anos antes, contra a vida de um Auditor-Fiscal, então Chefe da Divisão de Repressão ao Contrabando e Descaminho da Receita Federal na 3ª Região Fiscal. Na ocasião também foram presos outros suspeitos de participarem do mesmo grupo criminoso, alem de apreendidos documentos e mercadorias com entrada irregular no país que serviram como ponto de partida para a presente investigação. Desde a prisão em 2010, o suspeito continua detido no Paraná. 

Mais informações serão transmitidas pelo Superintendente Adjunto da Receita Federal do Brasil na 3ª Região Fiscal, Auditor-Fiscal Marcellus Ribeiro Alves, em Fortaleza/CE, e pelo Superintendente Adjunto da Receita Federal do Brasil na 8ª Região Fiscal, Auditor-Fiscal Marcos Fernando P. Siqueira, em São Paulo/SP, em horário a ser confirmado. 

 

Assessoria de Comunicação Social/Ascom