Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Assessoria de Comunicação Institucional > 2004 > Abril > IRPF 2004: 5,7 milhões já entregaram a declaração
conteúdo

Notícias

IRPF 2004: 5,7 milhões já entregaram a declaração

IRPF

A expectativa da Receita é que 18 milhões de pessoas prestem contas

A Receita Federal informa que até as 16 horas desta quinta-feira (8) foram recebidas 5,7 milhões de declarações do Imposto de Renda da Pessoa Física 2004, ano-base 2003. Está obrigado a declarar quem teve, em 2003, rendimentos tributáveis superiores a R$ 12.696.

Só na terça-feira (6) o volume de documentos entregue atingiu 202 mil. Já a média horária tem oscilado entre 15 mil e 17 mil, e quase 300 declarações por minuto. No ano passado, o pico de recebimento se deu no dia 29 de abril, quando o sistema da Receita contabilizou 2 milhões de declarações.

O supervisor nacional do Imposto de Renda, Joaquim Adir, está otimista em relação à previsão de receber 18 milhões de documentos até o final do prazo, em 30 de abril. "O ritmo segue dentro da normalidade, mas é bom que as pessoas não deixem para fazer a declaração nos últimos dias", alerta Adir.

Declaração das empresas

A Receita lembra ainda que está disponível na internet (www.receita.fazenda.gov.br) o programa gerador da Declaração de Informações Econômico-Fiscais da Pessoa Jurídica (DIPJ) 2004, relativa a 2003.

O documento deve ser entregue até 30 de junho por todas as pessoas jurídicas – exceto as inativas e as de pequeno porte. As imunes e isentas têm até 31 de maio para declarar.

Já as declarações relativas a informações sobre extinção, cisão parcial, cisão total, fusão ou incorporação deverão ser apresentadas pelas pessoas jurídicas nos seguintes prazos:

I - até 30 de abril de 2004, para os eventos ocorridos nos meses de janeiro, fevereiro ou março de 2004;

II - até o último dia útil do mês subseqüente aos eventos, para as ocorrências nos meses de abril a dezembro de 2004.