Você está aqui: Página Inicial > Acesso à Informação > Ações e Programas > Combate ao Contrabando e Descaminho > Notícias > 2020 > Junho > 9ª Região Fiscal > Receita Federal em Maringá apreende smartphones ocultos em fundo falso
conteúdo

Notícias

Receita Federal em Maringá apreende smartphones ocultos em fundo falso

Paraná

No total 40 aparelhos foram apreendidos
publicado: 09/06/2020 18h21, última modificação: 09/06/2020 18h21

A equipe da Receita Federal em Maringá abordou, no dia 5 de junho abordou, dois veículos que transitavam, com pequena distância entre eles, pela Rodovia PR 317, sentido Maringá.

A ação ocorreu junto ao posto da Polícia Rodoviária Estadual no município de Floresta, noroeste do Paraná. Durante a vistoria do primeiro veículo, um VW Gol, foram encontrados 9 smartphones da marca Xiaomi, em bolsa levada pela condutora. No segundo veículo, um Fiat Pálio, conduzido por um rapaz, havia outros 6 smartphones da mesma marca. Um dos servidores notou que todos os equipamentos encontrados nos dois carros, traziam na embalagem uma mesma marcação a caneta, o que reforçou a suspeita de que viajavam em conjunto, versão negada por ambos os motoristas. Numa vistoria mais minuciosa dos veículos e documentos, observou-se, junto à chave do veículo Fiat Palio, um chaveiro com o nome da motorista do outro veículo. Confrontados, os motoristas acabaram confessando que eram namorados e viajavam juntos. Diante da constatação, os servidores optaram por conduzir os dois veículos até o depósito de mercadorias da Receita Federal em Maringá, para, em local adequado, efetuar uma verificação mais aprofundada dos veículos. No VW Gol foi localizado um fundo falso atrás do painel, onde estavam ocultos outros 25 smartphones da mesma marca. Os equipamentos foram retidos porque não havia qualquer documento que comprovasse tratar-se de operação legal.

Os veículos e os 40 smartphones, avaliados em R$ 40 mil, foram lacrados e permanecem armazenados no depósito de mercadorias da Receita Federal em Maringá aguardando a lavratura do Auto de Infração com vistas a aplicação da pena de perdimento.

Informações obtidas pelos servidores com os motoristas dão conta que os equipamentos ingressaram irregularmente no país por meio do lago de Itaipu e tinham como destino a cidade de Brasilia/DF.

Neste momento de pandemia, a Ponte Internacional da Amizade, na fronteira do Brasil com o Paraguai, está fechada.