Você está aqui: Página Inicial > Acesso à Informação > Ações e Programas > Combate ao Contrabando e Descaminho > Notícias > 2020 > Julho > 8ª Região Fiscal > Receita Federal apreende mais de 7 kg de cocaína em remessas postais na capital paulista
conteúdo

Notícias

Receita Federal apreende mais de 7 kg de cocaína em remessas postais na capital paulista

São Paulo

Também foram apreendidos poppers e haxixe.
publicado: 09/07/2020 12h58, última modificação: 09/07/2020 12h58

O Serviço de Remessas Postais e Expressas (Serpe) da Alfândega da Receita Federal em São Paulo apreendeu, em quatro dias, 7,47 kg de cocaína, 920 gramas de haxixe e cinco frascos de poppers. As apreensões ocorreram nos recintos de importação e de exportação da central dos Correios na Vila Leopoldina, zona oeste da capital paulista.

No dia 29 de junho, foram apreendidas 590 gramas de cocaína em pó que estavam ocultos em embalagem de café e na estrutura interna de duas canecas de metal, com destino ao Reino Unido e à Tailândia, respectivamente.

No dia seguinte, foram apreendidas mais duas remessas de cocaína que iriam para o Reino Unido, com o total de 630 gramas.

No dia 1º de julho, foram identificadas três remessas de cocaína em pó. Uma das remessas continha 20 sacos da droga, ocultos em forro de jaqueta, com destino à Tailândia. As outras remessas iriam para o Reino Unido e para a Holanda e estavam ocultas em lata de café e em caneca, respectivamente. As três apreensões totalizaram 2,40 kg de cocaína.

Em 2 de julho, foi apreendido um jogo de lençol, embebido em cocaína líquida, que iria para a Holanda com 1,87 kg da droga. Além disso, foram apreendidas duas remessas com o total de cinco frascos de poppers que iriam para Goiânia.

Já no dia 3 de julho, foi apreendido 1,98 kg de cocaína, em pó, em duas remessas que iriam para a Tailândia. A droga foi identificada em 17 peças de motor e em dois arranjos de zíper. Em outra remessa, foram apreendidos 920 gramas de haxixe ocultos em dois potes de cosméticos, com destino a Brasília.