Você está aqui: Página Inicial > Acesso à Informação > Ações e Programas > Combate ao Contrabando e Descaminho > Notícias > 2019 > Novembro > 8ª Região Fiscal > Receita Federal apreende mais de 26 kg de cocaína em remessas postais

Notícias

Receita Federal apreende mais de 26 kg de cocaína em remessas postais

São Paulo

A droga foi detectada em 13 remessas postais com destino ao exterior e uma delas surpreendeu pela maneira de ocultação do entorpecente.
por publicado: 28/11/2019 10h02 última modificação: 28/11/2019 10h02

Entre os dias 12 e 22 de novembro, o Serviço de Remessas Postais e Expressas (Serpe) da Alfândega da Receita Federal de São Paulo detectou cocaína em 13 remessas postais, totalizando 26,09 kg da droga.

A apreensão mais curiosa ocorreu no dia 14 de novembro, quando foi encontrada cocaína líquida em um frasco de sabonete, com destino à Espanha, pesando 0,38 kg.

A curiosidade desta apreensão foi o dispositivo criado no interior do frasco para ocultação da droga.

Ao se observar a figura, no círculo vermelho, é possível ver a cocaína líquida. No entanto, logo abaixo da válvula da saboneteira, foi criado um reservatório, como se pode verificar no círculo azul, que continha sabonete líquido.

Dessa forma, a droga poderia passar despercebida já que, pressionando a válvula, o produto a ser expelido seria o sabonete líquido.

A decisão de abrir o frasco, que revelou a presença de cocaína, foi baseada em análise de risco e experiência da equipe.

Dias antes, em 12 de novembro, foram localizados sacos de cocaína, pesando 2,08 kg, ocultos no interior de prateleiras de madeira com destino ao Paquistão.

Já no dia 18 de novembro, houve a apreensão de quatro remessas de cocaína em pó com destino à Irlanda, Austrália e Nova Zelândia. A droga estava oculta em pacotes de café, livros, massageadores e em um transformador. O total de drogas encontrado foi de 11,33 kg.

No dia seguinte, 19 de novembro, foram efetuadas três apreensões de cocaína, pesando 10,57 kg. A droga foi encontrada em bolsas, aparelho de esterilização para laboratório e embalagens de molho de tomate. O destino das remessas era China, Nova Zelândia e África do Sul.

No dia 21 de novembro, foi localizada cocaína em pó, pesando 0,09 kg, oculta em contracapa de livro cujo destino seria os Estados Unidos.

Ainda na mesma semana, no dia 22 de novembro, foram encontradas mais três remessas de cocaína com destino ao Reino Unido e a Cabo Verde pesando 2,02 kg. A droga estava oculta em camisetas infantis, tapetes para animais de estimação e palminhas de sapato.