Você está aqui: Página Inicial > Acesso à Informação > Ações e Programas > Combate ao Contrabando e Descaminho > Notícias > 2019 > Dezembro > 9ª Região Fiscal > Operação Muralha apreende drogas e eletrônicos no oeste paranaense

Notícias

Operação Muralha apreende drogas e eletrônicos no oeste paranaense

Paraná

Diversas ações realizadas no âmbito da Operação Muralha no oeste do Paraná resultaram na apreensão de maconha e eletrônicos.
por publicado: 02/12/2019 15h51 última modificação: 06/12/2019 14h02

Na noite de 27 de novembro agente canino da Receita Federal detectou uma bolsa e uma mochila no bagageiro de um ônibus que fazia a linha Foz do Iguaçu - São Paulo, contendo aproximadamente 20 kg de substância análoga à maconha.

O passageiro, que afirmava ser menor de idade, foi encaminhado pelo Exército para a Delegacia Móvel da Polícia Civil, instalada na barreira da Operação Muralha no posto de pedágio de São Miguel do Iguaçu/PR, para as providências necessárias. O rapaz disse que receberia R$ 2 mil para entregar a droga em São Paulo.

Na tarde de quinta-feira (28), uma equipe volante da Receita Federal abordou um veículo, com placa de Foz do Iguaçu, que transportava grande quantidade de eletrônicos oriundos do Paraguai. O veículo foi abordado no pedágio de Céu Azul/PR, após acompanhamento tático pela rodovia BR-277.

No momento da abordagem o motorista, que não tinha os documentos do carro, desacatou a equipe e resistiu à fiscalização. Diante disso, o condutor foi encaminhado para a Polícia Federal em Foz do Iguaçu/PR, sendo preso em flagrante por desacato e resistência. A mercadoria (celulares e equipamentos eletrônicos) e o carro foram retidos e encaminhados para a Alfandega de Receita Federal em Foz do Iguaçu.

Na sexta-feira (29) uma carreta, com placa de Cascavel/ PR, foi abordada por volta da 3h30 na barreira de fiscalização em São Miguel do Iguaçu, onde atuam vários órgãos de segurança de forma integrada.

Durante a fiscalização foram encontradas diversas caixas com eletrônicos, celulares e relógios na cabine do motorista. Estima-se que as mercadorias cheguem a R$ 120 mil. A carreta foi lacrada e encaminhada para a ALF/Foz do Iguaçu. Ninguém foi preso.

A Operação Muralha acontece de forma integrada à Operação Hórus, que já está em andamento, e à Operação Muro Alto, também deflagrada sob coordenação da Receita Federal no Mato Grosso do Sul. Estão envolvidos com as atividades 500 servidores, considerando todas as instituições participantes. A Operação Muralha conta, ainda, com o apoio de escâneres, de equipes com cães farejadores e do helicóptero da Receita Federal.