Você está aqui: Página Inicial > Acesso à Informação > Ações e Programas > Combate ao Contrabando e Descaminho > Notícias > 2019 > Agosto > 9ª Região Fiscal > Receita Federal em Foz do Iguaçu doa mais de R$ 990 mil em brinquedos ao Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos

Notícias

Receita Federal em Foz do Iguaçu doa mais de R$ 990 mil em brinquedos ao Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos

Paraná

A campanha “Criança não é brinquedo” – que faz parte das políticas públicas de enfrentamento à violência sexual – foi lançada na quinta-feira (1º), na Alfândega da Receita Federal em Foz do Iguaçu
por publicado: 06/08/2019 13h38 última modificação: 08/08/2019 17h05

Participaram do evento a ministra Damares Alves, o auditor-fiscal João Paulo Fachada, subsecretário-geral da Receita Federal, representando o ministro da Economia, o general de brigada Roberth Alexandre Eickhoff, comandante da 15ª Brigada de Infantaria Mecanizada, representando o ministro da Defesa, o auditor-fiscal Luiz Bernardi, superintendente da Receita Federal na 9ª Região Fiscal, o auditor-fiscal Paulo Sergio Cordeiro Bini, delegado da Receita Federal em Foz do Iguaçu, o prefeito de Foz do Iguaçu Chico Brasileiro e outros convidados.

Para a ação, a Alfândega da Receita Federal em Foz do Iguaçu doou 20 toneladas de brinquedos a granel e outras 16 mil unidades de brinquedos identificados, que no total foram avaliados em R$ 996,9 mil, além de cartilhas educativas, para crianças do Norte e Nordeste. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), essas são as regiões de maior concentração de crianças e adolescentes entre 0 e 14 anos vivendo em situação de vulnerabilidade social.

A ministra Damares também fez uma visita técnica ao depósito de mercadorias apreendidas da Receita Federal em Foz do Iguaçu e assinou o termo de recebimento de brinquedos doados pela Receita Federal. No final da cerimônia, a ministra entregou um troféu e medalhas com o slogan da campanha ao subsecretário-geral da Receita Federal, ao superintendente na 9ª RF, ao delegado da ALF/Foz do Iguaçu e aos servidores da Receita Federal que a acompanharam durante a visita.

A campanha será realizada mediante parceria entre o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), por meio da Secretaria Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (SNDCA), Ministério da Defesa e Ministério da Economia, por meio da Receita Federal.