Você está aqui: Página Inicial > Acesso à Informação > Ações e Programas > Combate ao Contrabando e Descaminho > Notícias > 2017 > Novembro > 9ª Região Fiscal > Receita Fedeal em Foz do Iguaçu faz apreensão de armamento na Operação Muralha
conteúdo

Notícias

Receita Fedeal em Foz do Iguaçu faz apreensão de armamento na Operação Muralha

Paraná

Além de armamento e munições, foi apreendida indumentária a ser usada em ações criminosas.
publicado: 07/11/2017 15h55, última modificação: 09/01/2018 14h43

Neste sábado (4), na barreira de fiscalização instalada ao lado da praça de pedágio em São Miguel do Iguaçu/PR, durante abordagem no âmbito da Operação Muralha, servidores da Receita Federal, com apoio de policiais do BPFron, realizaram uma grande apreensão de armamentos.

Por volta das 23h, um veículo Golf, com placa de Caxias do Sul/RS, recebeu ordem de parada pela fiscalização da Receita Federal, mas empreendeu fuga furando a barreira montada e seguiu em direção a São Miguel em alta velocidade.

Prontamente os servidores da Receita e policiais do BPFron realizaram acompanhamento tático do veículo. Ao sair da BR, o fugitivo transitou por uma estrada vicinal onde abandonou o veículo e desapareceu na escuridão.

No veículo foi encontrada uma arma longa fabricada na Bélgica, e mais à frente foi localizada bolsa contendo mais de 500 munições de calibres variados, inclusive cartuchos para fuzil. No veículo também foi encontrada indumentária camuflada, toucas “ninja” e coletes balísticos a serem usados em ações criminosas no interior do País. O veículo, assim como o armamento, munições e indumentária foram encaminhamos para a Delegacia da Polícia Federal em Foz do Iguaçu/PR, pra providências cabíveis.

A Operação Muralha, que envolve servidores da Receita Federal, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Civil do Paraná, Polícia Militar do Paraná (BPFron), Marinha e Exercito brasileiros, teve início no dia 3 de maio, sem prazo de encerramento.

Essa iniciativa, que está inserida no âmbito do Programa de Proteção Integrada de Fronteiras (PPIF), instituído pelo Decreto nº 8.903/2016, tem como diretrizes a atuação integrada e coordenada dos órgãos de segurança e de fiscalizações atuantes nas fronteiras, e como foco o fortalecimento da prevenção, do controle, da fiscalização e da repressão aos delitos transfronteiriços, como contrabando, descaminho, tráfico de drogas, armas e medicamentos, entre outros. Participam da Operação a Receita Federal, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Militar do Paraná (BPFron), Força Nacional de Segurança – FNSP e Foztrans – Instituto de Transportes e Trânsito de Foz do Iguaçu.

registrado em: