Você está aqui: Página Inicial > Acesso à Informação > Ações e Programas > Combate ao Contrabando e Descaminho > Notícias > 2017 > Abril > 9ª Região Fiscal > Apreendidas drogas e peças de celulares em motos na Ponte da Amizade
conteúdo

Notícias

Apreendidas drogas e peças de celulares em motos na Ponte da Amizade

Paraná

O ilícito caminhou sobre duas rodas, na manhã de 4 de abril, na Aduana da Ponte Internacional da Amizade

Durante a manhã desta terça-feira (04), duas ocorrências na pista de motos chamaram a atenção na Aduana da Ponte da Amizade. A primeira, ocorreu por volta das 8 horas, onde os servidores da Receita Federal, com o apoio do Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron), apreenderam uma motocicleta com fundo falso, no qual foram encontrados centenas de peças para smartphones.

A moto, com placas de Foz do Iguaçu/PR, foi abordada pelos servidores da Receita Federal que em revista minuciosa identificaram a presença de fundo falso onde deveria estar o tanque de gasolina. O tanque verdadeiro reduzia-se a um compartimento minúsculo. Ao ser arguido a respeito da mercadorias, o condutor do veículo, um homem de cerca de 40 anos de idade, respondeu que se tratava de displays para smartphones que foram comprados por cerca de R$ 32 mil, informou ainda que a mercadoria não era sua, que apenas a transportava até Foz do Iguaçu.

Em averiguação aos dados do veículo, observou-se que se tratava de moto financiada e que há cinco anos não eram efetuados os pagamentos de impostos e taxas, o condutor argumentou que não trabalhava com mototáxi, que o colete que vestia, próprio da atividade, não lhe pertencia, que apenas passava mercadorias contrabandeadas, ficando assim patente o fito do mesmo em burlar a fiscalização da Receita Federal. O veículo, assim como a mercadoria foram apreendidos.

A segunda ocorrência aconteceu perto do meio-dia, na abordagem de outra moto, desta vez trazendo um passageiro o qual portava uma mochila que ao ser vistoriada, acusou a presença de 5 kg de maconha e 200 gramas de crack em seu interior.

O portador da droga, um homem de 27 anos, natural de Ponta Grossa/PR, revelou que receberia R$ 2 mil para o transportar o entorpecente até Ponta Grossa. Confessou ainda que já havia sido condenado em sua cidade por tráfico de drogas e por tentativa de homicídio. A droga, assim como seu portador foram encaminhados à Delegacia da Polícia Federal.

As ocorrências descritas fazem parte da Operação Fronteira Integrada.

registrado em: