Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Assessoria de Comunicação Institucional > 2016 > Maio > Receita Federal realiza grandes operações para combater tráfico em maio

Notícias

Receita Federal realiza grandes operações para combater tráfico em maio

Aduana

Em apenas 15 dias, foram apreendidas quantidades significativas de drogas, armas e munições em todo o Brasil
publicado: 18/05/2016 11h56 última modificação: 26/08/2016 14h35

 No dia 2 de maio, a Alfândega de Guarulhos encontrou aproximadamente 11 quilos de metanfetamina que estavam ocultos em fundos falsos de duas malas trazidas por um passageiro que desembarcou em voo procedente da Europa.

Entre os dias 4 e 6 de maio, a Alfândega do Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro/Galeão apreendeu 25 frascos de poppers, conhecida como "droga do amor", e 500 gramas de haxixe ocultas no fundo falso de um vaso decorativo com procedência dos Estados Unidos e Espanha e que tinham como destino as cidades do Rio de Janeiro e São Paulo.

No dia 6 de maio, foram localizados 811 quilos de cocaína introduzidas clandestinamente em blocos de granito que seriam exportados para a Espanha. Após passagem pelo scanner, tendo em vista que as imagens evidenciaram que a composição do bloco não apresentava consistência, optou-se pelo uso dos cães de faro da Polícia Militar, oportunidade em que se iniciou a busca manual por meio da perfuração dos blocos.

No dia 7 de maio, foi localizada por servidores da equipe de repressão uma carreta abandonada no Jardim Jupira, em Foz do Iguaçu. Após verificação, constatou-se a existência de 1.430 kg de maconha ocultos em uma carga de arroz.

No dia 8 de maio, em abordagem na Aduana da Ponte Internacional da Amizade, foram apreendidos 170 quilos de maconha transportadas em um veículo Nissan de placas paraguaias conduzido por um cidadão de mesma nacionalidade. O motorista não obedeceu à ordem de parada do servidor, despertando a atenção do vigilante que estava mais à frente. Este solicitou que o veículo da frente parasse, bloqueando a pista e impedindo que o veículo Nissan prosseguisse.

No dia 9 de maio, em operação conjunta de fiscalização entre a Receita Federal e a Brigada Militar, em Portão/RS, foram apreendidos 13 kg de cocaína, 13 kg de maconha, uma pistola .40 e 50 munições.

No dia 11 de maio, a Alfândega da Receita Federal no Porto de Paranaguá/PR apreendeu 218 quilos de cocaína que estavam dentro de um contêiner no Terminal de Contêineres da cidade. Na tentativa de exportação das drogas foi utilizado o método rip-on/rip-off, em que a droga é colocada clandestinamente no contêiner pouco antes do embarque à revelia do dono da carga. Esse método já era conhecido, e a apreensão foi resultado de trabalho investigativo da Seção de Vigilância e Controle Aduaneiro do Porto de Paranaguá/PR.

Também no dia 11 de maio, a Alfândega da Receita Federal no Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro/Galeão apreendeu 1 quilo de haxixe dentro de frasco de suplemento alimentar. Dois dias depois, foram apreendidos 26 frascos de poppers e 800 gramas de skunk.

No dia 12 de maio, em operação realizada em Ponta Porã/MS, foram apreendidos 20 quilos de maconha e 70 quilos de pasta base de cocaína procedente do Paraguai com destino a Campo Grande. Esta última apreensão estava oculta no tanque de combustível do automóvel.

Nos dias 11 e 12 de maio, a equipe de fiscalização de bagagem acompanhada da Alfândega em Guarulhos realizou duas importantes apreensões. A primeira foi encontrada com um passageiro que embarcaria para a Europa com 4,28 kg de cocaína. A segunda apreensão foi de 14,78 kg de metanfetamina, com um casal de passageiros procedente da Europa.

No dia 13 de maio, na Alfândega em Santos/SP, foram apreendidos 630,7 quilos de cocaína ocultos em um contêiner com pasta de celulose, cuja exportação tinha como destino o porto de Antuérpia, na Bélgica.