Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Assessoria de Comunicação Institucional > 2016 > Junho > Receita Federal divulga apreensões da 4ª fase da Operação Muro Alto/MS

Notícias

Receita Federal divulga apreensões da 4ª fase da Operação Muro Alto/MS

Fiscalização

Durante ações da 4ª fase da operação Muro Alto no estado de Mato Grosso do Sul, agentes da Receita Federal apreenderam diversas mercadorias, drogas e veículos.
publicado: 30/06/2016 18h01 última modificação: 25/08/2016 16h04

Na última semana, a Operação Muro Alto apreendeu mercadorias, drogas e veículos durante ações da 4ª fase da operação no sul do Estado de Mato Grosso do Sul. A equipe da Divisão de Operações Aéreas da Receita Federal (Dioar) também participou da operação. O uso do helicóptero tem sido essencial para a Receita Federal nas ações de fiscalização, inteligência e combate ao contrabando e descaminho.

No km 68, da BR-463, foram apreendidos vestuário, tapetes, bebidas, cigarros e mais de 417 kg de maconha. Em um caminhão de uma transportadora, foram encontrados 3 fardos de jaquetas e 6 de tapetes, avaliados em R$ 25 mil. Na sequência, um ônibus da mesma empresa, foi abordado. Duas jovens foram conduzidas à Polícia Federal por tráfico de drogas. Elas estavam transportando 17 kg de maconha, avaliada em mais de R$ 40 mil. O destino final era Osvaldo Cruz, interior de São Paulo, município próximo a divisa com o estado de Mato Grosso do Sul.

Ainda no mesmo local, foram apreendidos dois veículos abarrotados de fardos de jaquetas, e em uma tentativa de fugir da fiscalização, mais dois veículos foram abordados em uma estrada vicinal, utilizada para desviar do ponto de fiscalização da Receita Federal. Além de uma carga de tapetes com destino a Dourados/MS, avaliada em R$ 5 mil, foram apreendidos vestuário, bebidas e cigarros. Na terça-feira, 21 de junho, a equipe da Receita Federal abordou um veículo suspeito, no porta-malas do veículo foram encontrados 400 kg de maconha, avaliada em R$ 1 milhão.

Esta semana a Receita Federal apreendeu 500 kg de maconha em tabletes. A droga foi avaliada em mais de R$ 1,2 milhão.

Na região de Laguna Carapã/MS, próxima a fronteira com o Paraguai, foram apreendidos dois veículos, avaliados em R$ 13 mil. Nos veículos, foram encontrados artigos de pesca e vestuário introduzidos ilegalmente no território nacional. Na manhã de quinta-feira, 23 de junho, um motorista perdeu o controle da direção, bateu o veículo que dirigia contra uma carreta e pegou fogo. O veículo transportava isqueiros contrabandeados de origem paraguaia.

Além das apreensões acima, com o apoio aéreo prestado pela equipe da Dioar foi possível localizar veículos que tentavam driblar a fiscalização em terra da Receita Federal. O helicóptero da Receita Federal é um bi-turbinado que utiliza uma câmera Flir, que permite observar um veículo a mais de cinco quilômetros de distância.

Foram 5 veículos abarrotados de mercadorias retidos pelas equipes em terra devido as informações prestadas pela equipe aérea que mantinha contato visual dos veículos em fuga durante diferentes ações nesta semana.