Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Assessoria de Comunicação Institucional > 2015 > Maio > Receita Federal investiga fraudes ligadas ao futebol desde 2002

Notícias

Receita Federal investiga fraudes ligadas ao futebol desde 2002

Investigação

Essas auditorias resultaram em cobrança de tributos, multas e juros no valor de R$ 4,470 bilhões
publicado: 29/05/2015 12h11 última modificação: 29/05/2015 12h11

Desde o ano de 2002, a Receita Federal tem identificado e autuado pessoas físicas e jurídicas ligadas ou que mantém relações comerciais com entidades responsáveis pela organização do futebol no país, sejam elas de âmbito nacional ou regional.

Foram realizadas três operações especiais de fiscalização desde 2002, onde foram investigadas 96 pessoas físicas e jurídicas. Essas auditorias resultaram em cobrança de tributos, multas e juros no valor de R$ 4,470 bilhões. Algumas das pessoas citadas na recente operação promovida no âmbito do Poder Judiciário dos Estados Unidos da América estão no rol das autuações efetuadas pela Receita Federal, que por razões de sigilo fiscal, não pode nominá-las.

A área de Inteligência da Receita Federal acionou o Internal Revenue Service (IRS), a Receita norte-americana, para conhecer os elementos fáticos da operação promovida contra pessoas ligadas à FIFA nesta semana e, com base em Acordo de Intercâmbio de Informações Fiscais (TIEA, sigla em inglês para Tax Information Exchange Agreements) ter acesso as provas que porventura ainda não sejam de conhecimento da Receita Federal.