Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Assessoria de Comunicação Institucional > 2004 > Novembro > Começa hoje megaoperação para combater o contrabando em Foz

Notícias

Começa hoje megaoperação para combater o contrabando em Foz

Operação de Fiscalização

A região é apontada como a principal porta de entrada de produtos ilegais no Brasil
publicado: 07/11/2004 23h00 última modificação: 17/03/2015 14h26

A Receita Federal deu início nesta segunda-feira (8) em Foz do Iguaçu (PR), na fronteira com o Paraguai e Argentina, a uma megaoperação para combater o contrabando de mercadorias e a pirataria, além do tráfico de drogas, armas e munições.

A região é apontada como a principal porta de entrada de produtos ilegais no Brasil. Denominada Cataratas, a operação será coordenada pela Receita e terá o envolvimento de cerca de 200 funcionários, entre fiscais, técnicos e policiais.

Além do Fisco, vão participar das ações de repressão a Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Militar, Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Departamento de Estrada e Rodagens e Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações).

De acordo com o delegado da Receita em Foz do Iguaçu, José Carlos de Araújo, as ações de combate ao contrabando e a pirataria foram intensificadas em 2004, resultando na apreensão de 242 ônibus de turismo.

De janeiro a outubro, foram apreendidos na região R$ 67 milhões em mercadorias irregulares. Só no mês passado as apreensões totalizaram R$ 5,2 milhões. Entre os produtos estão cigarros, veículos, informática, brinquedos e eletroeletrônicos. Os contrabandistas de cigarros foram autuados em R$ 1,5 milhão.

Mais informações sobre a Operação Cataratas, favor contatar o delegado da Receita Federal em Foz do Iguaçu, José Carlos de Araújo, pelos telefones (45) 520 4301.