Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Assessoria de Comunicação Institucional > 2003 > Abril > Receita recebe 35% mais de declarações do IRPF em 2003

Notícias

Receita recebe 35% mais de declarações do IRPF em 2003

IRPF

O meio preferido pelos contribuintes tem sido a internet
publicado: 01/04/2003 00h00 última modificação: 18/03/2015 16h48

A Receita Federal já recebeu 3,180 milhões de declarações do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) 2003, ano-base 2002, o que corresponde a um aumento de 35% na comparação com o mesmo período do ano passado.

O meio preferido pelos contribuintes tem sido a internet, com 3 milhões de documentos recebidos até esta terça-feira (1). O restante, 180 mil, foi enviado por meio da Declaração Simplificada Online – também disponível no site da Receita para contribuintes com patrimônio inferior a R$ 20 mil. O total de declarações recebidas exclui os recebimentos feitos em disquete no Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Correios.

O supervisor nacional do Imposto de Renda, Joaquim Adir, considera "muito bom" o ritmo de entrega das declarações e atribui esse desempenho à disposição do contribuinte de não deixar a prestação de contas para a última hora. "Some-se a esses fatores a facilidade que o programa do IRPF oferece ao declarante no momento de preencher e enviar o documento", completa Adir.

O contribuinte dispõe de quatro meios para enviar a declaração. Pela internet (www.receita.fazenda.gov.br), nos modelos completo e simplificado ou ainda via Declaração Simplificada Online, que dispensa o uso do programa do IRPF 2003 e cujo preenchimento é feito diretamente no site da Receita.

O acerto de contas também pode ser feito pelo Receitafone (0300-78-0300), cuja ligação custa R$ 0,29 o minuto, se feita de aparelho fixo, e R$ 0,63 se realizada de telefone celular. Banco do Brasil e Caixa recebem os disquetes. A declaração em papel só pode ser entregue nas agências dos Correios, ao preço de R$ 2,50.

O prazo de entrega termina em 30 de abril. O contribuinte que perder o prazo pagará multa mínima de R$ 165,74 e máxima de 20% do imposto devido. Está obrigado a declarar quem teve, em 2002, rendimentos tributáveis superiores a R$ 12.696,00.